Consumir de forma responsável significa aplicar hábitos zero waste e eco responsáveis ao mesmo tempo que desfrutas de uma alimentação saudável! Para isso, partilhamos contigo as nossas 10 dicas favoritas para começares a consumir responsavelmente, sem desperdiçar.

Psst: queres juntar-te ao movimento #ZeroWaste?

🚜Aposta em produtos e lojas locais!

consumo circular

O primeiro mandamento do consumo responsável é simples: apostar em produtores e lojas locais! Porquê? Porque, para além de reduzir a poluição causada pelo transporte dos alimentos, também é um gesto que apoia os nossos produtores locais.

Ao escolher lojas e produtos locais, estás a apostar numa alimentação mais saudável, ao mesmo tempo que ofereces o teu gesto ecológico ao planeta! Se não sabes por onde começar, deixamos aqui uma lista de plataformas que ajudam e divulgam, o comércio local, sobre as quais já falamos num outro artigo.

Consumir local, na prática:

📐As aparências enganam! Os alimentos “feios” são igualmente bons.

Não comprar uma cenoura porque não tem o tamanho ou aspecto certos…está errado e sabes disso. O importante é o sabor e não a aparência!

Os produtos não calibrados na prática:

Como na Phenix odiamos a descriminação dos alimentos, por causa da sua aparência, podes encontrar na nossa aplicação muitos comerciantes que decidiram dar uma segunda oportunidade a esses produtos descriminados: desde frutas e legumes ligeiramente mais pequenas ou com deformações, passando por produtos com embalagens danificadas ou mal impressas, até produtos perto do fim das suas datas de validade, mas que ainda estão em perfeito estado de consumo. Produtos únicos, saborosos e com descontos até 70%. Na Phenix App encontras tudo isto e muito mais.

🗓 Escuta o planeta: Consome produtos de época!

Comer morangos em pleno inverno parece normal para ti? Claro, é simples quando tens algum desejo repentino, mas será que é o melhor para o planeta, a tua saúde e a tua carteira? Nem por sombras! Morangos ou quaisquer outros alimentos fora de época precisam de ser cultivados numa estufa ou importados: ou seja, mais poluentes, mais caros, com menos sabor e prejudiciais para a saúde!

Comer produtos de época na prática:

Ao comer produtos de época durante todo o ano, ingeres os nutrientes que necessitas, mantens uma alimentação mais equilibrada, poupas dinheiro e ajudas o planeta. Uma bela sopa de legumes em Janeiro, saladas no verão e se quiseres mesmo uns morangos em pleno inverno, prepara um doce na primavera.

🍱Planifica as tuas refeições: O poder do batchcooking

Para poupar dinheiro, não há nada melhor como planear as tuas refeições para a semana, com atenção. Evitas as compras de última hora e o fast-food!

Planear as refeições na prática:

Descobre receitas saudáveis e económicas e compila a tua lista de compras em função dos pratos que escolheres, semanalmente. vais ser mais eficiente e ainda vais economizar nas deslocações! Escolhe ingredientes que possam ser utilizados em mais que um prato ou quando fizeres um acompanhamento para a tua proteína, escolhe algo que possa ser consumido com mais de um prato. Escolhe um dia por semana para cozinhar as tuas refeições, pois isso só traz vantagens: mais tempo livre o resto da semana, contas mais baixas e só sujas a loiça uma vez!


📝Regra de ouro: nunca vás às compras de estômago vazio!

É possível que já tenhas ouvido este conselho muitas vezes, mas mesmo assim queremos assegurar-nos de que não o esqueces: nunca vás às compras com o estômago vazio!

Ir às compras na prática:

Quanto estás com fome, mais facilmente vais trazer produtos que não estão na tua lista de compras. É muito difícil de evitar e, maior parte das vezes, acabas por escolher alternativas menos saudáveis e mais caras: as chamadas compras por impulso. Mas quando tens o estômago cheio, é mais fácil seguires a tua lista de compras e trazer apenas o que necessitas. Um truque simples e super eficaz!

🌽Compra mais alimentos frescos e não-processados.

Os alimentos processados e industriais têm mais conservantes, mais açúcares, gorduras e sal. Eles são menos ricos em nutrientes e geralmente são uma fonte de excesso de calorias! Para além disto são, regra geral, mais caros que os alimentos frescos.

Evitar os alimentos processados na prática:

Escolhe produtos frescos que, apesar de exigirem um pouco mais tempo de preparação, são sem dúvida, mais saudáveis e baratos! Uma dupla vantagem!

🧀 Recusa as embalagens inúteis. Compra a granel!

O plástico está presente em quase todo o lado, no que toca à indústria alimentar! A situação é tão grave que com certeza já todos vimos legumes embalados individualmente ou com ebalagens completamente desnecessárias! Um consumo responsável é aquele que também causa zero desperdício.

Comprar a granel na prática:

Consumir de maneira responsável passa também por começar a comprar a granel. Não sabes como ou onde o fazer? Nós deixamos aqui a nossa dica: visita o site A Granel e descobre as alternativas que existem espalhadas por portugal inteiro! Frutas, legumes, artigos de limpeza ou higiene pessoal, já existem alternativas para tudo.

🔎 Presta mais atenção às datas de validade e conhece as suas diferenças.

Saber ler as datas de validade dos alimentos é uma das maneiras mais fáceis de evitar o desperdício doméstico. De certeza que já te aconteceu colocar um produto no lixo por não teres a certeza se estaria bom para consumir ou não. Para te ajudar a perceber melhor, partilhamos contigo a nossa experiência.

Datas de validade na prática:

  • Consumir até: data após a qual os alimentos não devem ser consumidos. Aplicável a alimentos perecíveis como a carne e peixe frescos, as refeições prontas, os iogurtes, os queijos, as sandwiches, etc.;
  • Consumir de preferência antes de: alimentos que podem ser consumidos após a data. Aplicável a alimentos como o azeite, as batatas fritas, os cereais, os enlatados, os congelados, etc.

❄️ Organiza o teu congelador!

Ter um frigorífico bem organizado é essencial para prolongar ao máximo a vida dos nossos alimentos e evitar o seus desperdício! Tal como já explicamos anteriormente, não tem nada que saber. 

Organizar o frigorífico na prática:

  • Coloca os alimentos com a data de validade mais próxima do fim, na parte da frente, e com a data maior, na parte de trás. Assim não deixas que nada passe de validade;
  • Na parte mais fria do frigorífico coloca os produtos crus: carne, peixe, lacticínios, queijos, etc.;
  • conserva as tuas refeições preparadas em recipientes de vidro, nas prateleiras superiores;
  • A fruta e os legumes devem de ser guardados, separadamente, nas gavetas próprias.

💬 Segue as dicas dos exeperts: os comerciantes.

Tens dúvidas sobre como guardar certos alimentos ou qual a melhor maneira de os conservar? Pergunta ao comerciante, onde vais fazer as tuas compras. Ninguém melhor que essa pessoa para te aconselhar, dar dicas e até ideias de como preparar um delicioso prato.

Arriscas uma vida com menos desperdício?