Organizar o frigorífico é necessário? Não só é necessário como vai ajudar a evitar o desperdício alimentar e poupar dinheiro ao fim do mês. Vamos lá ler este artigo para descobrir onde guardar os alimentos de maneira correcta 🧐

Pode não parecer, mas o modo como arrumamos os nossos alimentos no frigorífico, tem muita influência na sua conservação, não fosse o frigorífico para isso mesmo. Desta forma partilhamos com todos, algumas dicas imprescindíveis para ajudar a prolongar a vida dos alimentos, de um modo fácil e descomplicado. Ora vamos lá:

Umas noções básicas:

Em primeiro lugar há que ter noção do seguinte: a distribuição do calor e do frio não é toda igual. O ar quente é mais leve que o frio, portanto, a zona mais fresca de um frigorífico estará sempre localizada nas prateleiras inferiores. De seguida, também é importante mencionar que a porta é a zona menos fresca e mais propensa a grandes variações de temperatura, devido às vezes que abrimos os nossos frigoríficos. Por isso este é um mau local para guardar alimentos como lacticínios ou ovos, que são muito susceptíveis a variações de temperatura. Estão a ver aqueles suportes para os ovos que por vezes se encontram nas portas dos vossos frigoríficos? Esqueçam isso. Pode ser bonito, mas corre o risco de ser bastante prejudicial à saúde. Leite na porta, também é uma péssima ideia.

A seguir:

É importante falar de temperatura: o recomendado para a área de refrigeração do frigorífico é de 4ºC, sendo que o congelador se deve situar nos -17ºC. Com estas temperaturas garantimos a boa conservação dos alimentos e prevenimos o aparecimento de bactérias e micróbios que podem colocar a nossa saúde em risco e contaminar o frigorífico. Outra boa dica é não encher demasiado o frigorífico, por duas razões: estando demasiado cheio, impede-se a circulação de ar frio entre os alimentos, podendo criar-se bolsas de ar mais quente. Para além de se tornar menos eficiente na conservação dos alimentos, também estaremos a perder eficiência energética. Ar mais quente = a mais energia para refrigerar o frigorífico. Depois não se admire se a conta de electricidade subir, no final do mês.

Vamos agora ver a organização do frigorífico ⬇️:

dicas organizar frigorífico

Porta

Aqui devemos guardar:

  • Condimentos
  • Bebidas

O QUE NÃO GUARDAR AQUI:

  • Ovos
  • Lacticínios

Como já referimos, esta é a zona mais quente do frigorífico. Aqui devem ser guardados os alimentos que melhor resistem ao calor, tais como ketchup, mostarda, pickles, vinhos, água, sumos, etc. Pelo contrário, ovos e lacticínios devem de permanecer nas áreas mais frescas do frigorífico e não nas portas.

Prateleiras superiores

  • Sobras
  • Bebidas
  • Pronto-a-comer
  • Ervas aromáticas
  • Charcutaria

Na parte superior de qualquer frigorífico encontramos a zona com as temperaturas mais estáveis. Daí ser uma zona óptima para guardar alimentos que não precisamos de cozinhar ou que já foram preparados. As ervas aromáticas também se devem guardar aqui, para conservarem a sua frescura por mais tempo. Um recipiente com um pouco de água para colocar os caules das mesmas, ajuda no prolongamento da sua vida.

Prateleiras inferiores

  • Carne e peixe crus
  • Marisco
  • Lacticínios

É a zona mais fria do frigorífico. Aqui, devemos manter os alimentos que se estragam com maior facilidade. Carne, peixe e marisco ou lacticínios, são alguns dos exemplos. Se guardar os ovos no frigorífico, coloque-os nesta prateleira, também. Não se esqueçam que estes alimentos devem de se encontrar sempre, devidamente embalados, para evitar que as suas bactérias passem de uns para os outros.

Gavetas

  • Frutas
  • Legumes

É importante guardar separadamente frutas e legumes. Porquê: porque muitas frutas produzem uma substância chamada etileno, que as ajuda a amadurecer com mais facilidade. Ora, se as mesmas ficarem misturadas com os vegetais, os mesmos irão apodrecer com mais facilidade. É também importante lavar as frutas e vegetais antes de os acomodar nas gavetas, secando-as bem no final, evitando o seu apodrecimento. Não queremos sujidade indesejada nas nossas gavetas.

Gongelador

Finalmente, no congelador devemos colocar os alimentos que não planeamos comer, para já. Contudo, não nos podemos esquecer de os ir comendo com alguma regularidade. Caixas herméticas e à prova de ar, são as melhores para guardar a vossa comida.

 

A equipa da Phenix tem como objectivo a redução do desperdício alimentar e não alimentar. Todos os dias apoiamos os nossos parceiros na redução do seu desperdício, quer seja através da doação dos seus excedentes a instituições, ou através da Phenix App, a nossa aplicação de venda de excedentes alimentares do comércio local e tradicional. No tempo que nos sobra, gostamos de partilhar com vocês as nossas dicas e conhecimentos para reduzirmos o desperdício e optarmos pelo consumo responsável.